Respostas & Serviços

Formação e Emprego

Respostas e Serviços

Formação
e Emprego



A resposta Formação e Emprego possui o Centro de Recursos Local e a Formação Profissional, os quais se passam a descrever.

  

Centro de Recursos Local

O CRIPS é uma Entidade de Reabilitação Profissional credenciada pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional, I.P. (IEFP, IP) que se destina a apoiar pessoas com deficiência e/ou incapacidade, inscritas, sinilizadas e encaminhadas no Serviço de Emprego e Formação de Ponte de Sor, na tomada de decisões vocacionais e profissionais adequadas, através da disponibilização de meios, informação e apoios considerados indispensáveis à definição do seu projecto de vida.

Pessoas com deficiência e/ou incapacidade, inscritas no Serviço de Emprego e Formação.

1) Informação, Avaliação e Orientação
para a Qualificação e Emprego (IAOQE)

Objetivo: Prestar apoio na tomada de decisões vocacionais adequadas, através da disponibilização de informação necessária para o efeito, promovendo a avaliação da funcionalidade e incapacidade, bem como a determinação dos meios e apoios considerados indispensáveis à definição e desenvolvimento do Plano Pessoal de Emprego dos(as) candidatos(as), do qual poderá fazer parte o encaminhamento para a Formação Profissional na própria entidade.

Duração: 0 a 4 meses

Benefícios:

  • Subsídio de alimentação;
  • Subsídio de transporte, caso seja necessário;
  • Subsídio de alojamento, caso seja necessário;
  • Subsídio de acolhimento, caso seja necessário;
  • Seguro de acidentes pessoais.

 

2) Apoio à Colocação (AC)

Objetivo: Promover a mediação entre os(as) candidatos(as) e as entidades empregadoras, de forma a equacionar aspectos relativos à acessibilidade, à adaptação do posto de trabalho, ao desenvolvimento de competências gerais de empregabilidade e, simultaneamente, a sensibilizar para as vantagens da contratação deste público, apoiando os destinatários na procura activa de emprego ou na criação do seu próprio emprego, os quais poderão já ter passado pela formação profissional do CRIPS.

Duração: 0 a 6 meses

Benefícios:

  • Subsídio de alimentação;
  • Subsídio de transporte, caso seja necessário;
  • Subsídio de alojamento, caso seja necessário;
  • Subsídio de acolhimento, caso seja necessário;
  • Seguro de acidentes pessoais.

 

3) Acompanhamento Pós-Colocação (APC)

Objetivo: Apoiar na manutenção e progressão profissional de trabalhadores com deficiência e/ou incapacidade no mercado de trabalho, já anteriormente trabalhadores ou não, através de apoio e mediação técnica ao próprio e/ou à empresa, de forma estruturada e contínua.

Duração: 12 meses, podendo ser prorrogados até ao limite de 24 meses, em casos devidamente justificados e autorizados.

 

Equipa técnica formada por:

  • 1 Coordenadora/Psicóloga Clínica
  • 1 Assistente Social
  • 1 Técnica de Acompanhamento

Formação Profissional

Promover a aquisição e o desenvolvimento de competências profissionais, necessárias à obtenção de uma qualificação que lhes permita exercer uma actividade profissional no mercado de trabalho, manter o emprego e progredir profissionalmente, de forma sustentada.

Pessoa(s) com dificuldade de acesso à formação ou ao emprego, por motivo de deficiência e/ou incapacidade.

O pedido de intervenção é realizado através do Serviço de Emprego e Formação Profissional, via Centro de Recursos Local, encontrando-se as inscrições abertas ao longo do ano.

O CRIPS é uma entidade formadora certificada pela DGERT – (Direcção-Geral de Emprego e das Relações do Trabalho), desde 05/11/2012, nas seguintes áreas de educação e formação:

346 - Secretariado e Trabalho Administrativo
481 – Ciências Informáticas
525 – Construção e Reparação de Veículos a Motor
543 – Materiais (indústria da madeira, cortiça, papel, plástico, vidro e outros)
621 – Produção Agrícola e Animal
761 – Serviços de Apoio a Crianças e Jovens
811 – Hotelaria e Restauração
814 – Serviços Domésticos

Modalidades Duração Percursos Cursos Requisitos de Admissão
Formação Inicial 1400 a 2900 horas

Tipo C

Formação Profissional

(referenciais de Formação adaptados com base no CNQ* e homologados pelo IEFP,IP)

- Acompanhantes de Crianças
Ajudante de Cozinha
- Auxiliar de Assistente / Ajudante Administrativo
- Empregado de Andares
- Hortofloricultura
- Operador de Manutenção
- Produção Agrícola e Jardinagem
- Serviços Gerais

Desempregados ou inativos inscritos no Serviço de Emprego e Formação de Ponte de Sor que, não se encontrem abrangidos pela escolaridade obrigatória, estejam fora do sistema regular de ensino e não possuam qualificação adequada para o exercício de uma profissão ou ocupação de um posto de trabalho. Salvo raras exceções, devidamente analisadas e autorizadas pelo Delegado Regional do IEFP,IP., enquanto Organismo Intermédio.

Formação Contínua

25 a 400 horas

UFCD

(Unidades de Formação de Curta Duração com base no CNQ)

- Desenvolvimento Pessoal e Profissional
- Sistemas e Operações Informáticas
- Técnicas de Procura Ativa de Emprego

Desempregados ou inativos inscritos no Serviço de Emprego e Formação de Ponte de Sor, há pelo menos 6 meses.

Os cursos enquadram-se nas áreas de formação para as quais o CRIPS está certificado, podendo variar de acordo com o diagnóstico de necessidades formativas.

* CNQ - Catálogo Nacional de Qualificações  

  • Bolsa de formação, de acordo com a legislação em vigor;
  • Subsídio de alimentação;
  • Subsídio de transporte, caso seja necessário;
  • Subsídio de Alojamento, caso seja necessário;
  • Subsídio de Acolhimento, caso seja necessário;
  • Seguro de acidentes pessoais;
  • Apoio e acompanhamento psicossocial;
  • Acompanhamento técnico-pedagógico;
  • Participação em atividades sociais, desportivas e outras;
  • Certificado ou declaração de frequência, conforma a situação, de acordo com a legislação em vigor;
  • Apoio no acesso ao emprego e após o emprego.

 

  • Gestor(a) / Coordenador(a) Pedagógico(a) / Psicóloga Clínica
  • Assistente Social
  • Técnica de Apoio à Formação e ao Emprego
  • Professor(es)
  • Formador(es)
  • Outros (caso seja necessário)

Programa Operacional Inclusão Social e Emprego

Portugal 2020
Eixo 3.01 - Qualificação das Pessoas com Deficiência e Incapacidade
Organismo intermédio:
Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP, I.P.)

Documentos relativos a Formação e Emprego: